Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Quem será o Anticristo? Possibilidades de ser o Príncipe William?

[Imagem: prince_william_king-2.jpg]
De acordo com o site O Fuxico, a Inglaterra terá um novo rei em breve. E quem deve assumir o trono logo logo é o Príncipe William, conforme publicado no tablóide Globe, recentemente.

Ainda conforme o site, as mudanças na sucessão do trono foram motivadas pela própria rainha Elizabeth II, que teria pedido ao príncipe Charles para abrir mão da coroa, e assim William assumir o reinado. A informação teria sido dada por uma própria fonte do palácio.

O site aponta que, ainda segundo a tal fonte, o desejo da rainha é passar a viver, daqui pra frente, em um palácio no interior da Grã-Bretanha, por conta de uma doença que está sofrendo.

A justificativa dada pela rainha, conforme a plataforma, é que William ainda é jovem e, portanto, teria mais vivacidade para lidar com a nova função.

Logo, concluímos que haverá mudanças nos planos na monarquia da Grã-Bretanha, nos levando a especular que, tais alterações súbitas, não esteja relacionada as fins dos tempos. Afinal se acreditava que quem assumiria o trono seria o Príncipe Charles.  Somos sabedores que existe a possibilidade do Anticristo ser oriundo dos tronos britânicos. Já falamos sobre isso aqui
 
Os últimos acontecimentos ao redor do mundo, nos leva a conclusão que o Anticristo já está em nosso meio, porém ainda preserva a sua identidade. E o Príncipe William poderia ser o Anticristo? Tem requisitos para nos levar a essa suposição? Sim. É o que veremos abaixo:
 
O Príncipe Guilherme de Gales ou William de Gales (nome completo: William Arthur Philip Louis; nascido em 21 de junho de 1982) é o filho mais velho de Charles, Príncipe de Gales e da falecida Diana, Princesa de Gales. Ele é o segundo na linha de sucessão aos tronos britânicos e aos tronos de outros quinze países da Commonwealth. Como filho do Príncipe de Gales e neto da Rainha Elizabeth II, o príncipe William é um membro da Família Real Britânica.

Genealogia da família real britânica
 
Conforme devidamente esclarecido no site Espada do Espírito, o plano global para produzir o Anticristo passa por uma linhagem sangüínea da Europa [Alemanha e França] por um descendente merovíngio, especificamente por meio de um rei do século V, chamado Merovee. Ele adorava o urso na forma da deusa romana Diana, que também é conhecida como a Artêmis grega, a “deusa-mãe virgem” da caça e da lua, normalmente associada ao unicórnio.

O Anticristo deve possuir a mais distinta herança sangüínea, ou linhagem. Ele deve ter a mais pura das heranças sangüíneas, e deve ser capaz de provar aos judeus que possui uma linhagem que pode ser rastreada até o rei Davi. De toda a nobreza do mundo, o príncipe William possui a mais pura de ambas as linhagens.

Assim que a pessoa que for o Anticristo vincular sua linhagem à de Jesus Cristo, terá vínculos com o rei Davi, cumprindo, assim, o pré-requisito judaico de que o Messias seja da Casa de Davi. Entretanto, a rainha Elizabeth II afirma ser da “Casa de Davi — A Linhagem Real”. Portanto, o príncipe Willian também está vinculado com o rei Davi fisicamente, e não apenas por meio da linhagem da lenda merovíngia.

Além disso, os promovedores da Nova Ordem Mundial, focando para a astrologia, são sabedores, pela suas crenças, que o Príncipe William, será um grande líder da comunidade humana. 
 
Os astrólogos assim se fundamentam:
William é canceriano e traz uma poderosa força de unidade para cuidar, nutrir e proteger os outros. Ele também deve ser emocionalmente perceptivo, capaz de profundo e duradouro amor, assim como ter uma imaginação poderosa e poética.

Com esse posicionamento ele tende a ser prudente e sagaz em qualquer negócio. Além disso, como rei, ele seria muito consciente da importância de preservar as tradições nacionais da Grã-Bretanha e muito preocupado com o bem-estar de todos os seus cidadãos.

Seus pais, independentemente da sua falhas e fraquezas pessoais, colocam as energias em boas causas. Segundo o autor do mapa astral para o bem-estar de seu povo, e para toda a comunidade humana, William será um bom Rei devido a sua grande habilidade como homem de negócios. 
E assim, o mapa astral de William está de acordo com a Epístola de Baha’u’llah enviada a Rainha Vitória:
“Ó RAINHA EM LONDRES! Inclina teu ouvido para a voz de teu Senhor, o Senhor de toda a humanidade, que clama do Loto Divino:…Compete-lhes, entretanto, ser dignos de confiança entre Seus servos e considerar-se a si próprios como os representantes de todos os que habitam na terra. É o que lhes aconselha, nesta Epístola, Aquele que rege, o Onisciente…” (epístola para a Rainha Vitória de Baha’u’llah.
Assim noticiou a Agência de notícias Terra: "Príncipe William realiza cerimônia do fumo em busca do poder de Baha’u’llah"

O príncipe William da Inglaterra iniciou nesta terça-feira uma viagem particular de três dias a Austrália, onde foi recebido com entusiasmo num bairro aborígene da cidade de Sydney.

Cerca de 2.000 pessoas se reuniram no humilde bairro de Redfern para receber William, de 27 anos e segundo na linha de sucessão ao trono britânico.
Príncipe William recebido em bairro aborígene de Sydney - 19.01.10
Chefe tribais usando trajes típicos deram as boas-vindas ao príncipe, presenteado com uma tradicional ‘cerimônia do fumo’.

“Estamos felizes porque ele veio a este canto da cidade para passar alguns momentos conosco”, explicou Lewis Kelly, descendente de aborígenes australianos, históricamente marginalizados. “Ele nos surpreendeu ao dizer que vinha aqui ver o povo indígena, os verdadeiros australianos”, acrescentou.

William chegou à Austrália vindo da Nova Zelândia, onde, na véspera, foi aclamado por vários milhares de pessoas, em sua primeira visita oficial ao exterior representando sua avó, a rainha Elizabeth II.

A decisão de enviar William, ao invés do pai, o príncipe Charles, a Nova Zelândia levou a imprensa britânica a especular que ele poderia superá-lo na linha de sucessão."


O profeta Daniel escreveu que o Anticristo será auxiliado por um deus estranho: "Com o auxílio de um deus estranho agirá contra as poderosas fortalezas; aos que o reconhecerem multiplicará a honra, e os fará reinar sobre muitos, e repartirá a terra por preço". (Daniel 11 : 39)

O Tabaco Xamânicon já serve para William, um dos candidatos ao cargo de executivo mundial de Baha’u’llah, ir canalizando essa conexão mental com o seu deus. Ele é usado para fazer oferenda aos guardiões (demônios que habitam nas religiões celestiais do mal) e principalmente ao Grande Mistério (o prometido - o senhor das religiões) como ele mesmo assevera em suas palavras abaixo:
VI. “Vede como os diversos povos e raças da terra têm esperado a vinda do Prometido (..) Julgando pela excelência de tão grande Revelação, pode-se bem imaginar a honra da qual os seguidores fiéis haverão de ser investidos…. “ (Seleção dos escritos de Baha’u’llah).
Lembrando ainda que, em consonância com nossa crença que o Anticristo virá da Casa de Windsor, o príncipe William foi iniciado na Ordem da Jarreteira, uma ordem de cavalaria formada em 1348 e que exerce grande controle sobre os Illuminati globais.

Veja a Notícia: “O tocante tributo do Príncipe William à Princesa Diana em sua insígnia de Cavaleiro da Jarreteira”

“O brasão de Cavaleiro da Jarreteira do Príncipe William foi mostrado pela primeira vez — completo com um tocante tributo à sua falecida mãe. Pela primeira vez na história da realeza, o símbolo identificador no brasão incorpora o emblema da família da mãe. Tanto William quanto Henry solicitaram que o símbolo simples de uma concha de ostra aparecesse em suas insígnias e brasões. A concha é o símbolo no brasão da família Spencer e também da Princesa Diana.”

Acho muito tocante que o príncipe William seja assim devotado à sua mãe, a princesa Diana; o príncipe Charles parecia mostrar certa rispidez com Diana o tempo todo, como também a maior parte da atual Casa de Windsor. Na verdade, milhões de pessoas em todo o mundo que amavam Diana sempre estarão inflamados contra Charles por causa do modo como tratava Diana, e muitos continuam a acreditar que ele teve algo que ver com a trágica morte dela.

Mas, vamos enfocar no símbolo ocultista da concha. Como você pode ver na gravura anterior, a concha vermelha está localizada no “Rótulo do Filho Primogênito”, que tem o aspecto de três chifres paralelos voltados para baixo. “Essa marca de cadência em particular também é derivada do Príncipe Negro, sendo a marca distintiva de todos os Príncipes de Gales sucessores…” [Tim Cohen, "Antichrist and a Cup of Tea", pág. 124].


Assim, a concha vermelha dos Spencer está localizada no “Rótulo do Filho Primogênito” dos Windsor.

Você sabia que, na tradição ocultista, a concha é um símbolo de Lúcifer? Permita que eu explique:

Observe nesta gravura que Afrodite/Vênus aparece saindo da concha, como se estivesse nascendo, de modo muito parecido como o budismo ensina que Buda nasceu do lótus oriental. Na verdade, a concha marinha é igual ao lótus e, como tal, representa Vênus/Afrodite.

Os escritos ocultistas ensinam que Vênus é considerada como Lúcifer. Veja a explicação dada pela autora cristã Dra. Cathy Burns. Ela vincula firmemente Afrodite com Vênus - ambas são o mesmo tipo de deusa!

“Como mencionado, Cupido (Eros) era o filho de Vênus (Afrodite). A partir do nome Eros, surgiu a palavra ‘erótico’ e Vênus também era considerada como a deusa romana do amor erótico.” [Dra. Cathy Burns, "Masonic and Occult Symbols Illustrated", pág. 168].

A Dra. Burns agora capta a essência dessa crença que Vênus é Lúcifer, aceita pelos antigos e modernos praticantes do ocultismo.
“Lúcifer prepara o homem em todos os modos para a experiência crística e o Cristo prepara o homem para a experiência de Deus. Mas a luz que revela para nós a presença do Cristo vem de Lúcifer. Ele é aquele que dá a luz. Ele é apropriadamente chamado de Estrela da Manhã, pois é a luz dele que anuncia para o homem a aurora de uma consciência mais elevada. Ele está presente quando essa aurora é percebida… Cristo é a mesma força que Lúcifer, mas movendo-se aparentemente na direção oposta.’” [Dra. Burns, citando David Spangler em "Finding Heaven On Earth", New Age Journal, jan/fev 1988, vol. 4, Edição 1, reimpresso em "Masonic and Occult Symbols Illustrated", pág. 188].
A Dra. Burns então conclui: “Logicamente, citações como essa não são realmente surpreendentes, pois os próprios maçons… nos dizem que Lúcifer (ou Vênus) é o portador da luz e a Estrela da Manhã. Blavatsky escreveu sobre os druidas, magos e zoroastristas saudando a Estrela da Manhã — a bela Vênus/Lúcifer.” [Ibidem].

Portanto, o simbolismo da concha na tradição ocultista é bem claro: Concha = Afrodite = Vênus = Lúcifer


Destarte, a concha vermelha identifica a família Spencer como profundamente envolvida com os Illuminati. Na verdade, os Spencer têm uma genealogia mais pura nos Illuminati que a família Windsor. Por essa razão, o príncipe Charles escolheu Diana como sua esposa, para que ela pudesse conceber seu “filho primogênito”, o príncipe William. Se William se tornar o Anticristo, terá uma genealogia ocultista mais pura do que seu pai. Lembre-se que o príncipe William nasceu em 21 de junho de 1982, no solstício de verão, um dos dias mais importantes no calendário satânico anual. Veja:

“O Pleno Verão, o festival Alban Hefin dos druidas, ou Litha dos anglo-saxões, é o dia mais longo e a sétima estação do ano, o tempo da santificação… É também o Dia de Todas as Heras nos mistérios femininos. ‘Heras’ são mulheres que alcançaram a comunhão espiritual plena com a Grande Deusa.” [The Pagan Book of Days, pág. 81].

Vamos retornar à matéria do jornal Daily Mail, que reporta que o príncipe William foi formalmente recebido na prestigiosa sociedade dos Illuminati, conhecida como Ordem da Jarreteira.

“A insígnia de William, que mostra um leão dourado sobre uma coroa, será agora colocada na parte de cima de seu assento na Capela de São Jorge, no Castelo de Windsor. 
 
O segundo na ordem de sucessão ao trono foi admitido no mês passado como Cavaleiro da Jarreteira, a mais antiga ordem de cavalaria ainda existente.”

Como poucas pessoas sabem alguma coisa sobre a Ordem da Jarreteira, ou por que ela é importante para os Illuminati, vamos estudar porções significativas da descrição dada no livro de Tim Cohen, Antichrist and a Cup of Tea
 
Você ficará surpreso com a importância do fato de William ter sido recebido nessa ordem.
 
1) “A Inglaterra tem há tempos várias ordens de cavalaria, das quais a mais importante é a Nobilíssima Ordem da Jarreteira” [pág. 129].

Como diz a matéria de notícias anterior, a Ordem da Jarreteira é “a mais antiga ordem de cavalaria ainda existente no mundo.” Isso é totalmente verdadeiro. Ela é também a mais importante das muitas ordens de cavalaria na Grã-Bretanha.

2) “Fundada em 1348 pelo rei Eduardo III… A Ordem da Jarreteira é a mais prestigiosa e exclusiva ordem ‘cristã’ de cavalaria na Inglaterra (e na Europa)…” [Ibidem, pág. 130].

Observe que Cohen coloca a palavra ‘cristã’ entre apóstrofes, indicando que não acredita que a Ordem da Jarreteira seja genuinamente cristã de forma alguma. Em breve você verá por que Cohen acredita que essa ordem seja satânica, não cristã!

3) “A criação informal da Mesa Redonda após o grande torneio em Windsor em 1344 foi traduzida, em 1348, em Ordem da Jarreteira — 24 jovens mais o monarca e seu filho mais velho…” [Ibidem, pág. 131].

Como Cohen diz mais tarde, essa organização da Ordem da Jarreteira parece imitar a organização celestial descrita na Bíblia. Vamos agora ler no livro do Apocalipse:
“E logo fui arrebatado em espírito, e eis que um trono estava posto no céu, e um assentado sobre o trono. E o que estava assentado era, na aparência, semelhante à pedra jaspe e sardônica; e o arco celeste estava ao redor do trono, e parecia semelhante à esmeralda. E ao redor do trono havia vinte e quatro tronos; e vi assentados sobre os tronos vinte e quatro anciãos vestidos de vestes brancas; e tinham sobre suas cabeças coroas de ouro. E do trono saíam relâmpagos, e trovões, e vozes; e diante do trono ardiam sete lâmpadas de fogo, as quais são os sete espíritos de Deus.” [Apocalipse 4:2-5].
Esses 24 anciãos se assentam em tronos, com Deus o Pai, e Deus o Filho (Jesus Cristo) assentados em Seus tronos. Assim, parece lógico que essa organização da Ordem da Jarreteira de 24 cavaleiros mais o monarca e seu filho mais velho esteja imitando a organização similar dos tronos nos céus. Satanás sempre gostou de imitar Deus de todas as formas, de modo que não devemos nos surpreender com essa estrutura organizacional específica!

Que tipo de organização é essa Ordem da Jarreteira?

4) “O que é conhecido publicamente da cerimônia da Jarreteira evidencia o fato que ela permanece uma mistura do sagrado com o profano…” [Ibidem, pág. 133].

Logicamente, a Bíblia proíbe a mistura do profano com aquilo que é sagrado aos olhos de Deus.
“E a meu povo ensinarão a distinguir entre o santo e o profano, e o farão discernir entre o impuro e o puro.” [Ezequiel 44:23].
Deus puniu com a morte os sacerdotes no Antigo Testamento que misturaram o profano com o sagrado no Tabernáculo. Aqui, vemos que os rituais da Ordem da Jarreteira são, segundo se diz, uma mistura do santo com o profano, o que é típico das sociedades secretas satânicas dos Illuminati. O Anticristo perpetrará a abominação máxima de misturar o santo com o profano, quando entrar no Santo dos Santos e o profanar da maneira descrita em Daniel 9:27 e por nosso Senhor em Mateus 24:15-22. O ato de introduzir o profano no lugar santíssimo fará Deus derramar Seus mais terríveis julgamentos. Na verdade, em Mateus 24:21, Jesus Cristo diz que a ira que Deus sentirá com as ações do Anticristo produzirá a Grande Tribulação: “Porque haverá então grande aflição, como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem tampouco há de haver.”

Portanto, é uma questão profética muito grande quando uma sociedade secreta como a Ordem da Jarreteira mistura o santo com o profano.

Agora, vamos examinar o papel da Ordem da Jarreteira no mundo dos Illuminati, aqueles homens e mulheres que são “iluminados” pelos rituais maçônicos e de outras sociedades secretas para se tornarem os “Homens Aperfeiçoados” capazes de finalmente levarem as nações do mundo à luciferiana Nova Ordem Mundial.

5) “A Ordem da Jarreteira não é somente responsável pela criação dos modernos Illuminati… mas também preside e controla o ‘Comitê dos 300′, que opera nas sombras.” [Ibidem, pág. 136].

O que é esse Comitê dos 300? A maioria das pessoas nunca ouviu falar dessa organização, que é muito oculta e muito poderosa.

“O Comitê dos 300 é uma organização supranacional cujo propósito expresso… é facilitar a criação de uma luciferiana Nova Ordem Mundial… A Grã-Bretanha está a cargo de nosso governo… A verdade nua e crua é que os EUA lutaram em cinco guerras nestes últimos cem anos para o benefício, ou em nome do famoso Comitê dos 300.’” [Ibidem, pág. 140].

Agora, vamos retornar ao livro “Antichrist and a Cup of Tea”:

6) “A Ordem da Jarreteira, que é… um grupo de elite de Cavaleiros dos Illuminati, aristocratas e satanistas, que controla os planos para a implementação da Nova Ordem Mundial” [pág. 156].

Mas afinal, o quão poderosos são esses cavaleiros?

“Os Cavaleiros da Ordem da Jarreteira são o círculo mais interno dos mais corruptos servidores públicos que destruíram profundamente a confiança depositada neles por seu país e seu povo. Os Cavaleiros da Jarreteira são o ‘conselho privado’ e de confiança da rainha Elizabeth… o santo dos santos, a elite da elite da Venerabilíssima Ordem de São João de Jerusalém, de Sua Majestade… Como a presente família real, Lord Palmerston… como tantos de seu tipo, não era apenas um maçom, mas também um seguidor dedicado do gnosticismo. Como a atual família real, Palmerston fingia ser um cristão, mas na realidade era um satanista praticante. Muitos satanistas se tornaram líderes da aristocracia britânica…” [pág. 139; ênfase no original].


Observe que o autor Cohen adverte que esses líderes rotineiramente fingem ser cristãos, mas na realidade são satanistas praticantes! O DVD “Riddles In Stone: The Secret Architecture of Washington DC” dedica um bom tempo para provar que os Pais Fundadores maçons dos EUA praticavam a arte ocultista da enganação espiritual, fingindo serem cristãos ao mesmo tempo que seus corações batiam com os valores ocultistas da ‘Loja Maçônica Invisível’! [Leia o artigo Free001a, "Maçonaria — Duas Organizações: A Visível e a Invisível".] Essa enganação espiritual é chocante e reveladora, quando você percebe que a Loja-Mãe Maçônica da Grã-Bretanha dirigia os Pais Fundadores da nação americana para implementarem com perfeição o plano de Sir Francis Bacon e da rainha Elizabeth I para fundar o governo americano de tal modo a liderar o mundo para o governo, economia e religião globais e depois colocar em cena o Cristo Maçônico (o Anticristo).

7) “Junho é um mês importante para as cerimônias reais… Ele também é significativo para a adoração pagã. Junho… é o mês em que os pagãos historicamente choravam a morte de Tamuz, a antiga perversão babilônia do… Messias nascido de uma virgem, que sofria, morria e ressuscitava dos mortos para redimir a humanidade. Junho também é o mês da Véspera do Pleno Verão (dia 23), quando os druidas colhiam certas plantas mágicas… Essa mesma véspera, agora chamada de “Véspera de São João”, em referência a João Batista, era ‘o dia melhor de todos para colher as ervas maravilhosas… para combater a febre, curar diversas doenças e proteger-se contra os feiticeiros e seus encantamentos.’ Em cada mês de junho, novos cavaleiros, quando necessários e disponíveis, são admitidos na Ordem da Jarreteira em uma cerimônia anual na Capela da Jarreteira, chamada de Capela de São Jorge — no Castelo de Windsor.” [Antichrist and a Cup of Tea, págs. 131-2].

Não somente o príncipe William nasceu em 21 de junho de 1982, mas ele se tornou o membro número 1.000 da Ordem da Jarreteira, em 16 de junho de 2008! Não é interessante que o homem que acreditamos será o futuro Anticristo é precisamente o milésimo membro da Jarreteira? O príncipe William tinha de se tornar um membro da Ordem da Jarreteira se um dia for se tornar o Cristo Maçônico, também conhecido como Anticristo. A família dele possui a linhagem, a genealogia e o simbolismo corretos para o Anticristo vir de suas fileiras.

O brasão de armas do Príncipe William de Gales

De acordo com a prática normal, brasões de armas foram dadas a cada um dos dois filhos do príncipe de Gales, o príncipe William e o príncipe Henry, em seus respectivos aniversários de dezoito anos, em Junho de 2000 e setembro de 2002. Em cada caso, o design é derivado do brasão da Rainha, com um acréscimo de identificação evoluiu de armas utilizadas pela mãe dos príncipes, a falecida Diana, Princesa de Gales.

 
Príncipe William de Gales, como o segundo na linha de sucessão ao trono, utiliza uma etiqueta branca de três pontos, como seu pai, mas foi além castanhola vermelho pequeno ‘ou concha do mar no ponto central.

A castanhola é derivado do Brasão de Armas dos Spencer: Isto tem sido suportado pelos antepassados dos dois príncipes, os Condes Spencer, por muitos séculos e foi usada pela falecida Diana, Princesa de Gales.

Peter Gwynn-Jones, que é o arauto sênior e responsável pelos assuntos do Real Heráldica, disse na época do décimo oitavo aniversário do príncipe William “É uma inovação bem-vindo ao incorporar símbolos maternos nos braços da Família Real e isso é algo que o príncipe William e sua família queria fazer. Na plenitude dos tempos, as armas do príncipe William irão mudar, como o Príncipe de Gales é, mas um precedente foi criado aqui, que outros membros da família real pode muito bem seguir”. Ele passou a dizer que “Três castanholas foram adicionados aos braços antigos Despencer quando foram aprovadas pela família Spencer, na última parte do século XVI”.

Educação e Treinamento sem precedentes para o Príncipe William

Veja a Notícia: “Rainha e Charles Definem Plano Secreto para Treinar o Príncipe William: Primeira Vez Que Esse Tipo de Treinamento É Dado, News of the World, 26 de julho de 2008.

“O príncipe William passará por um estágio sobre como ser rei… A rainha e o príncipe Charles definiram um programa de treinamento secreto e intensivo de dois anos, que será iniciado quando ele concluir a vida militar no ano novo. Um assessor sênior da família real confirmou na noite passada: ‘Pode-se dizer que ele será a primeira pessoa a passar por um estágio sobre como ser rei…’”

Por que o príncipe Charles e a rainha Elizabeth II acharam necessário criar um “estágio em reinado”, que não tem precedente na história? Por que, após mais de mil anos de história inglesa, a monarca governante e seu prestigioso filho, decidem que esse jovem príncipe precisa de um programa de estágio que o treine para ser rei?

A resposta pode estar no fato que esse programa de treinamento não tem o objetivo de treiná-lo para ser o rei da Inglaterra, mas Rei do Mundo, o Cristo Maçônico, aquele a quem a Bíblia chama de Anticristo! Claro, isto é uma especulação, mas acredito que seja uma especulação calculada. Ser Rei do Mundo será uma tarefa muito mais dantesca do que ser apenas rei da Grã-Bretanha. Esse rei global terá de aprender a lidar com culturas amplamente divergentes de todo o mundo. Ele terá de ser muito bem treinado em como não enfurecer governantes individuais das muitas culturas diferentes que existem no mundo.

A Bíblia diz que o Anticristo unirá todos os governantes do mundo. Essa profecia significa que ele possuirá uma incrível capacidade de superar as barreiras culturais tradicionais das mais de 160 nações individuais que existem no mundo. Esse programa de treinamento, ocorrendo quatro anos antes de 2012, quando acredito que o Anticristo aparecerá, me diz que não devemos ignorar esse ‘estágio surpreendente e sem precedentes sobre como ser rei’.
 
Tire você as suas próprias conclusões. 
  
Extraído do Fórum Anti NOM
DeOlhOnafigueira






5 comentários:

  1. Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
    reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho,
    Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
    decerto que virei aqui mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar
    siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.

    ResponderExcluir
  2. Reparem que o brasão de armas é corpo de leopardo, pés de urso e boca de leão(Inglaterra) conforme Apocalipse 13,"E a Besta que vi era semelhante ao leopardo, seus pés eram de urso e sua boca era de leão, a quem o Dragão(Satanás) deu seu poder, autoridade.".

    ResponderExcluir
  3. Se o anticristo for o principe Inglês, evidentemente ele terá que fazer alinaça com a besta que sobe da terra? Ora sem dúvida esse terá que ser o processo, considerando que a besta ( falso profeta ) fará um Idolo desse anticristo para que o mundo o adore.... veja apocalipse 13.

    ResponderExcluir
  4. Nabucodonosor, foi o Rei que mais se aproximou do anticristo literal do tempo do fim. Assim como foi feita uma eem sua homenagem, assim será feita a imagem de anticristo em sua homenagem... veja apoc. 13...

    ResponderExcluir
  5. O SABER LER A SI:
    (ES.12.1)
    (AP.13.18) – AQUI ESTÁ A SABEDORIA: AQUELE QUE TEM ENTENDIMENTO CALCULE O NUMERO DA BESTA, POIS É NÚMERO DE HOMEM: ORA ESSE NÚMERO É SEISCENTOS E SESSENTA E SEIS: (AR.119.9)

    (ISRAEL é o nome do Homem que sabe LER A SI no Espírito Bíblico: Aqui o saber acaba com as cogitações infundadas que existiam acerca do número 666 do Apocalipse, pois o que está escondido nas 131 letras e 10 sinais que compõem o texto acima, é isto):

    ARNALDO RIBEIRO É ISRAEL: É O HOMEM QUE NASCEU NO CÉU, QUE AMA E SABE TESTAR AS ALMAS NO SEU NOME: E ELE ENTENDE QUE CRISTO TESTA DEUSES E DIABOS NESSE MESMO ESPÍRITO. (IL.131.7)



    O SÉTIMO DIA
    (DN.4.2) Pareceu-me bem fazer conhecidos os sinais e maravilhas que Deus, o Altíssimo, tem feito para comigo,; (EF.2.7) para mostrar nos séculos vindouros a suprema riqueza da sua graça em bondade para conosco em Cristo Jesus; (1CO.15.45) pois assim está escrito:

    (GN.2.3) – E ABENÇOOU DEUS O DIA SÉTIMO, E O SANTIFICOU; PORQUE NELE DESCANSOU DE TODA A OBRA QUE, COMO CRIADOR, FIZERA: (AR.85.6)

    E o que o Senhor quer dizer com as 85 letras e 6 sinais acima é isto:

    SOU O ESPÍRITO QUE DESCEU DO CÉU, CRIANDO A SUA FÉ; E FAÇO SANTO O QUE É BATIZADO COM NOME DE ARNALDO RIBEIRO: (IL.85.6)

    (Lc.12.50 – Tenho, porém, um batismo com o qual hei de ser batizado; e quanto me angustio até que o mesmo se realize; (IS.21.16) porque assim me disse o Senhor: (1RS.18.31) Israel será o teu nome, (LS..9.6) porque ainda que algum seja consumado entre os filhos dos homens, se estiver ausente dele a tua sabedoria, será reputado como nada.(LC.4.21) Hoje se cumpriu a escritura que acabais de ouvir: (LC.6.5) O Filho do Homem é Senhor do sábado:
    E agora José? Ou melhor, Chico?...

    ResponderExcluir