Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

sexta-feira, 3 de março de 2017

O significado obscuro da falsa ”estrela de Davi” na bandeira de Israel

[Imagem: estrala%2B4.jpg]
A estrela de David
Um símbolo que está envolvido espiritual, cultural e administrativamente na fé de muitas igrejas atuais. Em templos, numerosos edifícios, monumentos, memoriais, eventos e festas. Pode parecer um emblema santo e salutar, mas uma olhada detalhada na sua origem obscura irá revelar a presença de ocultismo, paganismo e simbologia maçônica. Um estudo mais profundo sobre esses motivos só contribui para a controvérsia a respeito do seu real significado e revela a terrível verdade sobre o verdadeiro deus que ele representa!

A intenção deste artigo não é condenar as pessoas, mais alerta-las em sua fé, e analisar objetivamente este emblema. Uma pessoa que visite alguns espaços religiosos se encontrará rodeada destes símbolos esotericamente associados com a Magia Negra, e ao antigo paganismo. Mas porque colocaram todos esses símbolos de forma visível em prédios, roupas e objetos pessoais supostamente cristãos, por todos os lugares? Muitos têm afirmado que, secretamente, leva os seguidores para a adoração de Lúcifer. Eles estariam certos?


A estrela de seis pontas: A origem e história da estrela de seis pontas (hexagrama) e seu misterioso vínculo com a humanidade dos tempos do Egito são intrigantes. A estrela de seis pontas tem sido muito utilizada em magia, ocultismo, feitiçaria e astrologia, e agora virou modismo em igrejas evangélicas judaizantes e foi encontrada na cena de tantos crimes que a polícia da Califórnia emitiu uma diretriz para todas as escolas alertando as crianças para serem cautelosas com este símbolo. Alguns anos atrás, foi relatado no Toronto Sun, que uma igreja e cemitério foram vandalizados e “estrelas” foram pintadas por toda parte. O jornal decidiu não dizer que tipo de estrelas, pois não queria que as pessoas pensassem que os Judeus tinham sido responsáveis. Em primeiro lugar, e enfaticamente, os judeus não foram os responsáveis ​​pelo vandalismo. Mas como de costume, eles poderiam ter sido responsabilizados. Por quê? Porque infelizmente, os Judeus têm frequentemente usado estes itens e se aprofundado em práticas que são contrárias às Escrituras, e a Bíblia registra muitas dessas instâncias. Por que a maioria dos judeus usam a estrela de seis pontas, que eles chamam a estrela de David, o Escudo de David ou Magen David?

A natureza extremamente maligna do duplo triângulo, o hexagrama, selo de Salomão, o Magen David (Escudo de David), é comprovada pelo fato de que o símbolo contém o número 666 oculto, o número da besta (Apocalipse 13). Note-se que existem seis triângulos incorporadas na parte externa do hexágono, que tem seis pontas, e seis linhas que são usadas ​​na construção de dois triângulos do símbolo. Assim, o 6-6-6. Além disso, o símbolo incorpora seis triângulos de três lados cada. Seis vezes três é igual a dezoito (6 X 3 = 18 e 6 + 6 + 6 = 18). Um estudo notável da estrela de seis pontas foi realizada pelo Dr. OJ Graham no livro, The Six Pointed Star(A estrela de seis pontas).

No 6º grau da Maçonaria, o Grau de Secretário Íntimo, o conceito de um triângulo triplo é introduzido, disse ser emblemático dos três maçons que estavam presentes na abertura da primeira Loja de Secretários Íntimos. É ainda afirmado que o rei Salomão foi um dos três presentes. É significativo que, no primeiro livro de Reis na Bíblia, o rei Salomão se rebelou contra Deus e Seus mandamentos e começou a adorar a Deus e Deusa dos pagãos no seu templo. Ele também exigiu dos Sumos Sacerdotes do Templo de Salomão que anualmente prestassem a ele, como tributo, a soma de 666 talentos de ouro.


Dr. OJ Graham e seu livro, The Six Pointed Star
[Imagem: ihx6o28o.jpg]
Bem, aqui é onde fica intrigante: M. Hirsch Goldberg em seu livro A Conexão Judaica afirma: “A Estrela de David não é de origem judaica - e os antigos Israelitas nunca a usaram como seu símbolo religioso” (eles usavam o Menorah ou Sete Castiçais). Então, por que a estrela de seis pontas se tornou conhecida como a estrela judaica? Este símbolo foi largamente adotado, não porque o povo judeu escolheu, mas ironicamente porque Adolf Hitler forçou todos os judeus a usarem uma estrela amarela de seis pontas durante o holocausto. 
 
A palavra holocausto significa oferenda queimada, e a estrela de seis pontas foi usada no passado quando sacrifícios humanos queimados foram oferecidos a Moloch e Astarote na adoração de Baal. Os poucos Judeus que tiveram algo a ver com a estrela de seis pontas (hexagrama), mais foram aqueles que estavam envolvidos em práticas ocultas. 
 
Hitler tencionava insultar e destruir os judeus, e sendo enrolados no ocultismo, ele pode ter querido dizer que os judeus eram o seu holocausto pelo poder. Hoje, a maioria dos judeus usam essa estrela por escolha, e sem pensarem ou verificarem sua origem e uso através do tempo. Vestindo a estrela de seis pontas, que se tornou modinha em igrejas evangélicas.
 
[Imagem: Hexagrama-666_thumb%25255B1%25255D.jpg?imgmax=800]
Hexagrama - 666
O rei Salomão “abandonou seu Deus, e virou-se para Astarote, a deusa dos sidônios, as abominações dos cananeus”. Astarote ou Astarte que significa estrela. 
 
A primeira menção da estrela de seis pontas na literatura Israelita foi em Amós 5: 26, quando o Deus Criador irritado contra o Seu povo disse:Odeio, desprezo as vossas festas… Antes levastes a tenda de vosso deus Moloque, e a estátua (Chiun) das vossas imagens, a estrela (Siccuth) do vosso deus, que fizestes para vós mesmos". Amós 5:21,26
Siccuth (Sakkuth) e Chiun (Kaiwan) significa “estrela” e refere-se a Saturno como uma estrela, e era objeto de adoração idólatra, eram considerados deuses assírios. A multidão misturada que saiu do Egito com os filhos de Israel tomou a estrela com eles. Como o obelisco, a estrela de seis pontas foi um ídolo egípcio usado em adoração idólatra. Em 922 aC, quando Salomão casou com a filha de Faraó, ele ficou envolvido em adoração de ídolos egípcios e se introduziu na magia e bruxaria. Salomão construiu um altar para Astarote e Moloch, assim a estrela de seis pontas, o símbolo chefe dos sacrifícios humanos em círculos de magia e bruxaria veio a ser chamado de Selo de Salomão.
 
Salomão não prestou atenção aos avisos subsequentes de Deus para cessar essas práticas abomináveis, mesmo depois que Deus ameaçou arrancar o reino de Israel da mão de seu filho. E, de fato, a separação ocorreu após a morte de Salomão. A idolatria de Salomão causou ao Reino de Israel ser dividido em dois. As práticas que ele introduziu para os filhos de Israel finalmente causou à Casa de Israel ir para o exílio no Cáucaso, e a Casa de Judá ir para o cativeiro. Foi Josiah que posteriormente destruiu esse altar proibido. 
 
Você sabia que o número 666 foi conectado com Salomão? (1 Reis 10:14) Sim, 666 talentos de ouro eram levados a Salomão cada mês por ninguém menos que o rei de Tiro. Depois de ter lido este relato no livro de 1 Reis, vá para Ezequiel Capítulo 28. Oh, que que teia complicada foi tecida, quando Salomão praticou o engano. Rei Salomão deixou muitos artigos que provavam sua primitiva idolatria, como o Espelho do Rei Salomão, Pente do Rei Salomão, e a estrela de seis pontas, que se tornou conhecida como o ”Selo de Salomão ”na feitiçaria e mundo ocultista. Salomão também estabeleceu os fundamentos da Arte (Daniel 8:25), que mais tarde se tornou conhecido como a Maçonaria. E a estrela de seis pontas aparece com destaque nos rituais maçônicos.
 
O rei Davi foi o pai de Salomão, mas ele nunca foi um idólatra. Ele deixou absolutamente claro que o próprio Deus era seu escudo, não somente no Salmo 3: 3, mas no Salmo 28:7, Salmo 119:114, e Salmo 144:2.
Do Egito de Salomão a magia árabe, e feitiçaria e uso pelos druidas, a franco-maçonaria, a Mayer Amschel Bauer, que nas mudanças do século 17 usou seu nome para descrever a estrela de seis pontas vermelha, que pendurou em sua porta na Alemanha, e, portanto, começou na família de “Rothschild” (significando escudo vermelho). A família Rothschild incorporou esse símbolo em sua Corte de Armas. A pesquisa traçou a estrela de seis pontas através da Cabala, a astrologia, para Hitler e sua colocação de uma estrela de seis pontas amarela nos judeus durante o holocausto, o símbolo sionista, e finalmente a bandeira do Estado de Israel e mais além.
 
São informações chocantes a respeito do uso da estrela de seis pontas e seu vínculo assustador com a humanidade. Essa falsa ”estrela de Davi” na bandeira de israel, na verdade é a estrela de Salomão.

E ainda: Em Atos dos apóstolos esta estrela é identificada por Renfã: "E não levantastes a tenda de Moloque E a estrela do deus Renfã, Figuras que fizestes para adorá-las? Assim remover-vos-ei para além de Babilônia". Atos 7: 43

A Estrela de Jacó
Não confunda com a “estrela procederá de Jacó” (Números 24:17), com a estrela de seis pontas. A estrela que anunciava o nascimento do Messias verdadeiro, Jesus Cristo, foi uma verdadeira estrela que brilhava no céu e levou os três reis para onde ele estava como um bebê para que Escrituras fosse cumprida: “Porque um menino nos nasceu, para nós, um Filho se nos deu “(Isaías 9: 6).
 
Apocalink via Forum Anti NOM
DeOlhOnafigueira

Nenhum comentário:

Postar um comentário