Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

quarta-feira, 3 de abril de 2013

Casa Branca adverte que ameaça norte-coreana de ataque nuclear não ajuda

Imagem: anarquista.net
A Casa Branca advertiu nesta quarta-feira que a nova ameaça da Coreia do Norte, que garantiu estar pronta para um ataque nuclear contra os EUA, "não ajuda, nem é construtiva" e só aprofundará o isolamento do regime de Pyongyang.
 
Em um breve comunicado do qual teve acesso a Agência Efe, a porta-voz do Conselho de Segurança Nacional da Casa Branca, Caitlin Hayden, disse que a "Coreia do Norte, mais uma vez, está realizando ameaças que não ajudam, nem são construtivas".

A Coreia do Norte anunciou hoje que aprovou um ataque de seu exército "com meios nucleares" contra os EUA, segundo um comunicado da agência estatal "KCNA", em uma nova etapa na campanha de ameaças do regime comunista contra a Coreia do Sul e os EUA.

"É mais uma na longa lista de declarações provocativas que só servem para isolar ainda mais a Coreia do Norte do resto da comunidade internacional e minar seus objetivos de desenvolvimento econômico", disse Caitlin.

Segundo a "KCNA", a Coreia do Norte informou oficialmente à Casa Branca que usará "meios nucleares de alta tecnologia menores, mais leves e diversificados" para responder a "cada vez mais intensa política hostil" dos EUA para com o país comunista.

A Casa Branca, por outro lado, pediu à Coreia do Norte que "abandone as ameaças e provocações e se concentre em cumprir suas obrigações internacionais", nos mesmos termos com que vem avisando o regime de Kim Jong-un nos últimos dias.

Apesar da ameaça da Coreia do Norte, o serviço de inteligência americano tem total segurança que o regime comunista norte-coreano não tem a tecnologia para fabricar ogivas nucleares suficientemente pequenas e potentes em um míssil de longo alcance.

A Coreia do Norte aumentou progressivamente sua retórica belicista nos últimos dias pelas manobras militares anuais conjuntas entre Coreia do Sul e Estados Unidos.

Nesta ocasião, as Forças Armadas da Coreia do Norte justificam sua nova ameaça pela presença de bombardeiros americanos B-52 e caças de última geração como o F-22 na região.

A ameaça de lançar um ataque nuclear contra os EUA, que está reforçando suas defesas antimísseis no Pacífico, representa o último desafio da Coreia do Norte em sua incomum, grave e prolongada ofensiva retórica contra Coreia do Sul e Estados Unidos, que incluiu várias ameaças de guerra. 
 
Terra
DeOlhOnafigueira

Nenhum comentário:

Postar um comentário